Desenho em preto e branco de um cavalo sentado no sofá assistindo televisão, com um pote de pipoca e bebida ao lado.

Filme “O extraordinário” para equipe multidisciplinar de Equoterapia

Desenho em preto e branco de um cavalo sentado no sofá assistindo televisão, com um pote de pipoca e bebida ao lado.

Este post é um pouco diferente dos demais, porém, não menos importante.

Quero indicar para vocês, meus colegas equoterapeutas, o filme O extraordinário, de Stephen Chbosky com Julia Roberts, Jacob Tremblay, Owen Wilson e Izabela Vidovic.

É um belo filme, com uma história envolvente e não apelativa. Apresenta muitas situações comuns para pessoas que se diferenciam da multidão de alguma maneira, bem como seus familiares.

Indico inclusive que toda equipe multidisciplinar assista e discuta os detalhes do comportamento de cada personagem, bem como a importância dos papéis sociais na relação.

O filme se passa basicamente nos contextos familiar e escolar, no entanto, sabemos que as situações vividas pelo personagem são comuns em outros ambientes, incluindo uma sessão de Equoterapia.

Após o filme, podemos pensar de que forma a Equoterapia poderá contribuir com o fortalecimento do praticante que enfrenta dificuldades reais e muitas vezes sofridas em um mundo cheio de padrões? Quais comentários o nosso praticante deve ouvir diariamente e causar desconforto? Como é o nosso olhar para as deficiências? Limitamos o nosso praticante à sua deficiência? Qual o seu potencial? Como a família do praticante se relaciona com a deficiência?

Sabemos que nem todas as famílias possuem estrutura para oferecer apoio nos momentos difíceis enfrentados pelos praticantes, mas podemos pensar em como melhorar a autoestima e a segurança do praticante na relação como o cavalo, e isso o nosso querido amigo terapeuta sabe fazer muito bem!

Bom, fica a dica para todos os profissionais e familiares que gostam de um bom filme para refletir e contribuir com o desenvolvimento pessoal.