O que cabe no meu mundo

Biblioteca do Equoideias: Coleção O que cabe no meu mundo

O que cabe no meu mundo

Coleção: O que cabe no meu mundo

Olá, olha eu novamente trazendo livros que podem ser trabalhados por equoterapeutas.

Essa coleção se chama O que cabe no meu mundo e pretende ensinar valores que podem contribuir com uma sociedade melhor.

Os livros poderão ficar disponíveis em salas de brinquedoteca, espaços de espera para os familiares dos praticantes e, também,  para as sessões de Equoterapia, quando o equoterapeuta achar necessário.

É composta por 10 livros com 16 páginas cada, da editora Cedic e autora Kátia Trindade.

A coleção é direcionada para o público de 03 à 06 anos, no entanto, o conteúdo dos livros são importantes para todas as idades, pois trazem histórias repletas de virtudes e valores e, ao final de cada livro, tem um texto escrito por um psicólogo.

Responsabilidade

À medida que agimos com responsabilidade e cumprimos nossas tarefas e obrigações, acabamos tornando isso um hábito. Quando através de nossas atitudes, incentivamos nossas crianças a serem responsáveis, estamos construindo pessoas mais capazes de cuidar das coisas, das pessoas e do mundo.

Gentileza

É agindo com gentileza que nos tornamos gentis, é vendo (e copiando) as pessoas dizerem “por favor”, “obrigado” e “desculpe-me” que aprendemos a respeitar os outros e a agir corretamente.

Solidariedade

Uma das maiores lições que os pais podem oferecer aos seus filhos é lhes mostrar que não é somente nas grandes catástrofes (enchentes, trombas d’água, deslizamentos, secas, epidemias…) que a solidariedade pode ser praticada. O gesto solidário pode ser ensinado às crianças em pequenos momentos do dia a dia.

Amizade

As crianças, ao entenderem o sentido da verdadeira amizade, aprendem não somente a respeitar a liberdade dos outros, mas também que elas podem ser livres quando apoiadas por amigos verdadeiros.

Justiça

Para que a criança aprenda a agir com justiça devemos demonstrar, com as nossas ações, que todos os seres humanos, independentemente do quanto sejam diferentes de nós, tem igual valor. As crianças aprendem muito mais com os exemplos vivenciados do que por palavras ditas.

Honestidade

Para existirem pessoas honestas, não basta haver boas regras ou leis, é preciso saber que existem boas pessoas dispostas a seguir as boas leis e isso nós aprendemos quando crianças.

Humildade

Optar por demostrar o valor da humildade para as crianças, através das nossas palavras e, principalmente, atitudes, é escolher que tipo de pessoa nós queremos que elas sejam no futuro.

Respeito

Ensinar a importância do Respeito às crianças não é apenas ensiná-las que as pessoas, as leis e as regras devem ser respeitadas, ela deve aprender a importância de respeitar a individualidade e as limitações das outras pessoas.

Perseverança

Ensinar perseverança para nossos filhos vai além de simplesmente estimulá-los a tentar de novo até conseguir o objetivo desejado (a simples repetição dos mesmos comportamentos); significa ensinar-lhes o valor da paciência, da resistência, da autodisciplina e da capacidade de confrontar o medo, a incerteza, a intimidação e a insegurança.

Generosidade

A criança desenvolve naturalmente a ideia de generosidade quando começa a se comover pelo sofrimento do outro. Essa capacidade de se colocar no lugar do outro, de sentir simpatia pela situação dele, é a semente da generosidade.