Desenho de um praticante de Equoterapia deitado de costa em cima de um cavalo, com os braços relaxados.

Exercício do abraço invertido

Desenho de um praticante de Equoterapia deitado de costa em cima de um cavalo, com os braços relaxados.
Equoideias abraço invertido

Este exercício é bastante parecido com o exercício do abraço, que já foi postado aqui.

A diferença deste exercício é que o praticante estará sentado de costas para o cavalo.

O movimento é dar um longo abraço no animal, proporcionando um relaxamento em toda a extensão da coluna, principalmente, a região cervical.

A experiência do abraço ser invertido permite o desenvolvimento da noção tempo/espaço, conhecimento corporal e melhora o equilíbrio.

Esta atividade pode ser realizada quando o praticante já está na posição de costas realizando outro exercício.

É muito importante lembrar que alguns casos, principalmente quando o praticante sofre com labirintite este exercício não é indicado, pois pode causar desconforto e tontura.

Quando o praticante demonstra medo e insegurança, também é melhor não fazê-lo mudar de posição, pois a sensação do movimento do abraço invertido é bastante instável.

Minha sugestão é que o equoterapeuta experimente o exercício com o seu próprio corpo, para ter noção do esforço e dificuldade. Sentir o movimento auxilia na hora de preparar as sessões de Equoterapia.

Um outro aspecto que precisa ser lembrado é que o cavalo precisa ACEITAR o movimento. Nem todos os animais permitem que o praticante faça o abraço invertido. Claro que não será com o praticante na sessão que o cavalo será testado né…o equitador tem a função de orientar o equoterapeuta sobre as particularidades de cada animal e treinar/aquecer o cavalo antes das sessões, para evitar sustos.

Um grande abraço ΩΩ