Desenho de um praticante de equoterapia montado um cavalo, segurando uma bola e passando para uma equoterapeuta. Tem outra equoterapeuta ao lado do cavalo.

Exercício da batata quente

Desenho de um praticante de equoterapia montado um cavalo, segurando uma bola e passando para uma equoterapeuta. Tem outra equoterapeuta ao lado do cavalo.

Olá!! Vamos falar de uma brincadeira comum na infância que é a brincadeira da batata quente.

É uma brincadeira divertida que pode ser adaptada para a Equoterapia.

Para realiza-la é preciso uma bola ou outro objeto que seja de fácil manuseio para o praticante que tem alguma limitação no movimento de coordenação motora fina.

Vale lembrar que o cavalo precisa estar acostumado com o material escolhido para não assustar caso a bola saia do controle das mãos.

Uma bola de plástico mais murcha ou uma bola de pano talvez seja mais indicado para a brincadeira.

O equoterapeuta pode ir cantando a estrofe em ritmo lento e depois acelerado o verso:

– Batata quente, quente, quente…queimou!!!

Enquanto vai dizendo o verso, o praticante e a equipe que acompanha a sessão segue passando a bola de um para o outro até a ordem queimou! Quem estiver com a bola durante a palavra queimou “perde” o jogo e o mesmo se reinicia.

Caso o equitador que conduz o cavalo queira participar da brincadeira é fundamental que o animal esteja parado e que se tenha total confiança que ele não irá assustar com a bola.

Particularmente, acho melhor não arriscar e manter a brincadeira apenas entre os dois profissionais laterais e o praticante.

É uma atividade lúdica importante para a coordenação motora, lateralidade, equilíbrio, concentração, atenção, ritmo e ação e reação.

Vamos brincar!!!

Um carinhoso abraço ΩΩ