Estações sensoriais para Equoterapia

Olá! A equoideia de hoje é bastante lúdica e pedagógica, vamos fazer estações sensoriais para passear com o cavalo.

Vamos pensar em cinco estações, uma estação do tato, uma estação do olfato, uma estação do paladar, uma estação da audição e uma estação visual.

As estações poderão ser construídas de diferentes maneiras, de acordo com a disponibilidade dos materiais já existentes nos locais.

Não existem regras, inclusive os elementos apresentados em cada estação poderão variar de um dia para o outro, afinal, essa atividade não acontecerá em todas as sessões, apenas nas programadas, conforme prescrição do Equoterapeuta.

Os materiais poderão ser dispostos em cadeiras, em um cavalete, em uma estrutura de varal, no chão, em uma árvore, enfim, aonde for conveniente. O importante é ficar atraente para o praticante e bem definida as estações.

No tato, podemos colocar lixa, espuma, feltro, areia, escova, bucha, rolo de pintura.

No olfato, podemos colocar pó de café, folhas de temperos diversos, óleo essencial .

No paladar, podemos colocar diversas frutas, sempre com o cuidado com a alimentação do praticante e higiene dos alimentos e local, ou sal e açúcar, oferecendo apenas uma pitada para o praticante sentir, lembrando de verificar antecipadamente se há restrições para o praticante.

Na audição, podemos colocar brinquedos que façam algum som, um tambor, um violão, uma buzina .

E no visual, podemos colocar figuras diversas de cavalos e materiais de equitação.

Enfim, as estações são uma boa estratégia de estimular os sentidos e a comunicação.

Espero que gostem!

Grande abraço

Silvana Gabriel Quintino RodriguesΩ