ilustração atividades lúdicas na Equoterapia.

Quando usar atividades lúdicas na Equoterapia?

ilustração atividades lúdicas na Equoterapia.Olá! A palavra lúdico vem do latim ludus e significa brincar. 

O brincar tem como objetivo fazer a criança (ou o praticante, no caso da equoterapia) conhecer a si própria e aos outros em suas relações recíprocas, para aprender as normas sociais de comportamento, os hábitos determinados pela cultura, para conhecer os objetivos em seu contexto, ou seja, o uso cultural dos objetos, para desenvolver a linguagem e a narrativa, para trabalhar com o imaginário, para conhecer os eventos e fenômenos que ocorrem a sua volta (KISHIMOTO, 1994, p.19).

Através da atividades lúdicas é possível assimilar valores, adquirir comportamentos, desenvolver diversas áreas de conhecimento, exercitar-se fisicamente e aprimorar habilidades motoras.

O lúdico proporciona alegria nos espaços em que se faz presente, ao mesmo tempo em que possibilita a esperança de liberdade o mundo todo, sugerindo também que há outras possibilidades para a vida humana (ALVES, 1995, p.42).

Quando usar as atividades lúdicas na sessões de Equoterapia?

  • Quando a equipe multidisciplinar avaliar necessário para estimular o contato entre animal e praticante;
  • Quando o praticante necessitar de alguma ferramenta além da Equoterapia para alcançar um objetivo específico, como exemplo, na alfabetização ou na fala;
  • Em dias de chuva, quando o espaço fica restrito;

Considerando que é preciso estar atento à necessidade individual do praticante naquele momento e, se necessário, mudar as estratégias de atividades ao longo da sessão.

É fundamental olhar para o praticante e buscar compreendê-lo no seu desenvolvimento total e na sua individualidade, considerando sempre o contexto social em que está inserido e a riqueza de informações que o ambiente equestre oferece.

E o silêncio, quando usar?

O silêncio na Equoterapia é uma ferramenta poderosa pois permite ao praticante sentir o cavalo, seus passos, sua respiração, ouvir a natureza, sentir o vento, o cheiro, enfim, andar a cavalo em silêncio permite ao praticante melhorar suas habilidades cognitivas.

  • Quando o praticante não necessitar de intervenções para se conectar com o animal;
  • Quando o praticante se mostrar agitado;
  • Quando a equipe achar que o praticante terá melhores benefícios com o silêncio.

Prescrição das atividades

A equipe multidisciplinar avalia e prescreve os objetivos a serem alcançados para cada praticante.

Pode-se programar a sessão, no entanto, as atividades não são propostas como uma receita antes da sessão, é preciso aguardar o praticante para sentir qual o seu interesse naquele dia. Assim, torna-se necessário um repertório de atividades por parte dos profissionais, dentro do objetivo da sessão que poderá ser utilizado, ou não.

Lembrando sempre de preparar o cavalo com antecedência para qualquer atividade realizada, evitando assim, acidentes.

No site equoideias temos muitos exemplos de atividades, jogos, exercícios e materiais gratuitos para impressão. Navegue carinhosamente pelo site e, se possível, seja um seguidor também do nosso Instagram @equoideias.

Grande abraço,

Silvana Gabriel Quintino Rodrigues ♥Ω