Desenho de uma menina sentada em cima de um cavalo tocando ukulele.

Ukulele na Equoterapia? Uma possibilidade!

Olá!! Pessoal, a equoideia de hoje precisa de um pouco de mais dedicação para ser realizada, risos!

Durante as sessões de Equoterapia, em alguns casos específicos, a música pode ser uma aliada ao tratamento. Alguns exemplos são os praticantes que precisam melhorar a capacidade pulmonar, desenvolver a fala, melhorar a coordenação motora através de uma coreografia, ou simplesmente se animar.

Sabemos que tocar um instrumento musical é algo que requer dedicação e um pouco de habilidade. No entanto, alguns instrumentos são mais simples, como é o caso do Ukulele. Não necessariamente um profissional precisa saber tocar um instrumento para conseguir usar a música em sessões de Equoterapia, porém, um instrumento torna a música especial. Continuar lendo Ukulele na Equoterapia? Uma possibilidade!

Desenho para retratar a depressão.

A Equoterapia no tratamento da Depressão

A depressão atinge mais de 300 milhões de pessoas no mundo, de acordo com informações da Organização Mundial da Saúde (OMS).
Interação social, questões psicológicas e físicas, experiências traumáticas e algumas doenças fazem parte da complexidade de fatores que podem ser o gatilho para uma depressão.
Entre os principais sintomas estão: tristeza, angústia, culpa, perda de interesse por atividades antes prazerosas, desânimo, cansaço, irritabilidade, perda de energia e da concentração, comprometimento da memória, isolamento, distúrbios do sono e alimentação, queixa de dores, ideação suicida.
A Equoterapia tem se mostrado um verdadeiro “remédio” contra a depressão, apresentando muitos benefícios na interação entre homem e animal, principalmente para os pacientes que apresentam dificuldade em criar vínculos com a terapia. Continuar lendo A Equoterapia no tratamento da Depressão